Posts Tagged ‘São Paulo’

h1

Rapidinhas Nem 1e99(4)

quinta-feira, 2 julho, 2009
  • Após a conquista do título da Copa do Brasil, existem rumores que o Corinthians estaria perto de contratar Ronaldinho Gaúcho para jogar no Parque São Jorge em 2010. Para o futebol brasileiro seria muito bom. Para o Timão idem! O mesmo “passarinho verde” garantiu que Sylvinho e Edu já são jogadores do Timão para 2010. Mas será que emplaca ou foi apenas empolgação de quem acabou de ganhar um título nacional? Depois do Fenômeno, eu não duvido de mais nada.
  • Mais uma após o título: os jogadores do Corinthians ainda não deram as caras em São Paulo. Motivo: uma rápida visita ao nosso presidente da república – um minuto de silêncio;
  • E não é que o Danilo Gentili do CQC se deu mal. O rapaz, que atualmente dá o ar da graça no senado, foi agredido pelos seguranças do Sarney. E, para variar, a nossa polícia garantiu que ele não foi agredido, que fez uma cena básica. Ahhh, pára, gente! Fora “Sarnento”! Quero até ver o que vai rolar no próximo CQC.
Anúncios
h1

O melhor do Brasil também joga no brasileiro

segunda-feira, 11 maio, 2009

nilmar_internacionalNesta segunda-feira nada foi mais comentado do que o lindo gol do atacante Nilmar. O jogador, que está entre os meus “convocáveis”, quase nunca tem chances na seleção brasileira. Aproveitando, é disso que irei falar, ou melhor, irei falar de um tal treinador que prefere convocar jogadores que atuam no Alasca a convocar quem joga no Brasil. Isso mesmo, o cara não dá o mínimo prestígio ao futebol brasileiro. Não estou aqui para discutir padrão tático ou técnico. Muito menos para dizer que não concordo com ele na seleção. Isso é passado, o cara já foi efetivado e teremos que aguenta-lo na Copa de 2010.

 É fato que a seleção brasileira oscila entre um ótimo jogo, muitas vezes fora de casa, e uma apresentação de time de “várzea”. O mais curioso são os jogadores que são convocados por ele. Josué, Gilberto Silva, Ronaldinho Gaúcho, Elano e outros mais que não estão indo bem em seus clubes, mas tem cadeira cativa com Dunga. Então o critério é quem já jogou um dia??? Se for, convoca o Romário, gente! Quer mais história do que o Baixinho?!

De fato as convocações do técnico Dunga são irritantes. Concordo que os melhores jogadores brasileiros estão quase sempre fora do país. Sim, é fato! Mas temos que valorizar o futebol de quem joga no país também. É muito triste ver um jogo da seleção e não tem nem um jogador do Flamengo, Cruzeiro, Corinthians e outros mais. Vamos lá, vai me dizer que o Nilmar, independente do gol contra o Corinthians, não tem futebol para jogar na seleção? Quem vive melhor fase: Nilmar ou Robinho? E no meio campo, não está vendo o cruzeirense Ramirez jogar, Sr. Dunga? O que mais ele precisa fazer? E no gol, esqueceu do Bruno ou prefere de fato o Doni? Ahhh, sim, o Doni é do Roma da Itália. Entendo. E o Josué? Joga aonde? Aposto que é um time alemão que mal consigo pronunciar o nome. E o Hernanes? Será que o “menino” terá que jogar fora do país para ir para a seleção. O único lugar do mundo que acontece isso é no Brasil.

O Dunga vai assistir até os jogos dos times gregos, para ver o Gilberto Silva em ação. Agora, pergunta se ele está vendo o futebol brasileiro direito… Eu duvido que ele foi ver pelo menos um jogo do Internacional e outro do Cruzeiro. Só foi no jogo do Corinthians porque um tal Ronaldo é um mito e se não fosse sofreria um atentado por parte da mídia.

Portanto, Sr. Dunga. Fica esperto e ajuda “nóis”, mano! O futebol brasileiro pode até ser nivelado por baixo, mas está melhorando… Grandes jogadores já estão jogando por aqui, alguns estrangeiros também, e assim vai. Que tal valorizar o que é do Brasil? Dizem que o melhor do Brasil é o brasileiro… Nesse caso, aposto que o melhor do Brasil está jogando no Brasil. Acorda, Dunga! Sempre te admirei, mas nessa não tem como… Sua atitude não está valendo nem R$1,99!

h1

Burocracia made in Brasil

domingo, 3 maio, 2009

justicaSabe aquele esporte que tanto amo?! Aqueeele, que tem como objetivo maior o gol? Então… Ele mesmo, o futebol! O atacante fez o gol, levantou a camisa e levou o cartão amarelo. Está na regra, eu sei. No outro dia o cara fez o gol, comemorou fazendo “chororô”, virou assunto da mídia e corre o risco de ser punido.

 

Se não bastasse ter que ficar calado a semana inteira, os jogadores não podem comemorar. Entenda: ficar calado a semana inteira significa dizer que o jogador não pode falar coisas do tipo: iremos vencer, somos melhores, temos mais time, vamos para cima deles… O cara tem que ser um padre ou pastor, não pode nem ressaltar o que seu time está treinando para vencer. Que coisa chata! Futebol está ficando chato…

 

Outro dia um jogador tanto gosto, o Juan, que conquistou a torcida por causa dos seus dribles, levou uma grande finta e fez um alvoroço tremendo… Quase matou o jogador botafoguense.

 

Agora o técnico do Flamengo, o Cuca, foi punido por 90 dias por ter comparecido no vestiário do time, tendo em vista que ele estava cumprindo outra pena.

 

Sinceramente, puta palhaçada! E jogar futebol, alguém quer? Agora o lance é o seguinte: você faz o gol e não pode comemorar, muito menos falar alguma coisa.

 

Vamos deixar a coisa rolar, pô! O cara driblou, palmas para ele. Se ele fez isso é porque tem condição. Não gostou, treine e faça o mesmo com alguém.  Isso é futebol! Como não se pode fazer isso, vem um Supremo Tribunal de Justiça Desportiva e pune o cara.

 

Desse jeito, nosso futebol não vale Nem R$1,99! lberto Torres comentando a respeito de tais dribles, comentomparecido no vesti[arioles, levou uma grande finta e fez um alvoroçCoisa chata, burocrática… Estão transformando o futebol em um espaço burocrático, chato, ridícula e, acima de tudo, hipócrita!

h1

Domingão “especial”

domingo, 22 março, 2009

Não sou de reclamar da vida. Pelo contrário, agradeço todos os dias o dom de acordar, de abrir os meus olhos, sair da minha cama, escovar os dentes, tomar aquele banho demorado, tomar o meu cafezinho, sair de casa, entrar no meu carro e seguir para o trabalho. Enfim, coisas simples que dou muito valor.

Em compensação, meu domingo foi de muito trabalho. Não, não vejo problemas. Até gosto. É óbvio que preferia ficar em casa, almoçar com a gatinha, dormir depois do almoço de conchinha, assistir um futebolzinho de leve, o jogo das quatro horas, o das seis… Bom, falando em futebol… Pelo menos o cenário poderia ser pior. Eu não vi o meu Flamengo ser derrotado para o Vasco da Gama. Se não bastasse, também não vi o show do Los Hermanos na Multishow.

Também não vi o Fantástico, muito menos o Pânico. O Big Brother?! Vixxxx…. Pô, que domingão foi esse, heim?! De fato, o meu domingo não valeu nem R$1,99!

h1

Os gols do domingo

segunda-feira, 15 setembro, 2008

Foi para a balada e perdeu os Gols do Fantástico? Deitou mais cedo por causa da ressaca? Então, vou te dar uma colher de chá…. Veja os gols do domingo aqui.

h1

“Se” não joga e o Flamengo se…

domingo, 14 setembro, 2008

Simples, “se” o Caio Júnior tivesse escalado o time certo, deixando o “fora de ritmo” Josiel no banco de reservas. Se o Vandinho tivesse entrado jogando. Se o Sambueza fosse o homem de ligação entre o meio-campo e o ataque desde o início da partida. Se o Caio Júnior não tivesse tanto medo de vencer. Se o técnico Rubro-Negro tivesse mexido no time rapidamente. Se o Flamengo tivesse jogado mais pelas alas no campo de ataque. Se o Flamengo não tivesse tomado um gol na primeira etapa. Se o Ibson voltasse a ser Ibson e deixasse de ser mais um “pipoqueiro” do futebol. Se o juiz marcasse as faltas que aconteceram. Se o Caio Júnior fosse o Vanderlei Luxemburgo…

Se o Dagoberto, Hernanes e Zé Luis não estivessem tão inspirados. Se, se, se… Se vovó tivesse barba seria vovô! Como “se” não joga, vitória justa do São Paulo que jogou com muita vontade e conseguiu seu objetivo.

h1

Zero, zero bolota zero

quinta-feira, 11 setembro, 2008

Ah, não… Brasil, você está de sacanagem? Toda vez que se espera muito da seleção de Dunga dá isso… Péssimo jogo, atuação bizonha… Assisti o jogo na casa de um amigo com mais dois companheiros de “guerra”. Fizemos até o bom e velho bolão. Eu, para variar, estava otimista e logo disse: 4X0. Anh??? A “galera” assustou… Para quê tanto? Já perdeu… Eu, imaginando que o time jogaria como a partida contra o Chile, apostei forte. Os demais foram humildes e apostaram em uma vitória magra da seleção. Não deu! Todos nós perdemos, ou melhor, deixamos de ganhar. Mas também, apostar no time de Dunga/Ricardo Teixeira dá nisso.

Se analisarmos jogador por jogador, veremos que o melhor foi o Júlio César, que nem participou do jogo. O que falta no Brasil é justamente alguém que assuma a responsabilidade. Um VERDADEIRO craque. Exemplo? Temos muitos. Riquelme, quando joga pelo Boca Juniors, Zico, pelo Flamengo, Raí, na era Telê no São Paulo, Alex, pelo Cruzeiro de 2003, Ronaldo… Temos muitos jogadores especiais que não se escondem na hora “H”. Muitos jogadores que têm uma personalidade acima da média.

É o que se esperava de Ronaldinho Gaúcho, mas não dá para esperar mais… Gente, o cara está uma “pelota” e se esconde o jogo todo. Tem que correr muito para melhorar a forma física e, mesmo assim, não será o VERDADEIRO craque. Não é craque! Essa é a verdade… Para ele jogar o time tem que ter pelo menos mais três estrelas com brilho intenso. Exemplo: Rivaldo e Ronaldo na “família Felipão” de 2002. Se não for assim, meu amigo, Ronaldinho não joga. É pipoqueiro mesmo!

Daqui para frente não apostarei tanto assim, apesar de não conseguir deixar de ser otimista. (obs.: Viu?! Brasileiro não desiste nunca!)