Archive for the ‘Cine em cena’ Category

h1

Mais cinco em cena

sexta-feira, 7 agosto, 2009

Galera,

Primeiramente peço desculpas por não ter postado o cine em cena da semana passada. Na verdade estou mais que “apertado de costura”. De qualquer maneira fiz uma seleção com cinco filmaços para agradar gregos, troianos e até incas. Então vamos ao que interessa. O esquema da nota vocês já conhecem, certo?! (Se não conhece, leia). 

a-mulher-invisivel-cartazMulher invisível: Pedro (Selton Mello) acreditava no casamento, mas foi abandonado pela esposa. Após três meses de depressão e isolamento, ele ouve batidas na sua porta. É a mulher mais linda do mundo pedindo uma xícara de açúcar: Amanda (Luana Piovani), sua vizinha. Pedro se apaixona por aquela mulher perfeita, carinhosa, sensível, inteligente, uma amante ardente que gosta de futebol e não é ciumenta. Seu único defeito era não existir. 

Nota 5. Vi no cinema e achei muito bacana. Há um bom tempo estou vivendo a paixão por cinema nacional. Não que tenha sido uma superprodução, mas está cada vez mais se firmando no cenário. A atuação de Selton Mello foi espetacular. Como foi em “Lisbela e o prisioneiro”, e assim como está sendo em todos os seus papéis. Talvez “Mulher invisível” não tenha sido o melhor filme nacional do ano, mas está entre os três mais. Detalhe: o melhor, até então, foi o Divã. Obs.: “Cuecas” de plantão, a chata da Luana Piovani aparece em todas as cenas com trajes bem “interessantes”. Precisa comentar mais?

x-men-origens-wolverineX-Men Origens: Wolverine
Antes de se juntar aos X-Men, Wolverine inicia uma busca pela verdade sobre seu passado, que envolve seu complexo relacionamento com Victor Creed, o Dentes-de-Sabre, e o programa Arma X. 

Nota 4. Para o estilo agradou, mas esperava mais. Apesar de ser a origem do personagem, achei muito estranho o final do filme. É óbvio que era de se esperar, mas… Wolverine sempre foi o X-Man de maior destaque e por isso esperava um filme muito acima da média. E não foi. Na trama a atuação de Victor Creed é até mais interessante do que a própria origem de Wolverine. Aposto que os HQ´s, os fascinados por gibis, não gostaram do filme. 

serialSerial Killer
Durante as investigações do assassinato da ex-amante do Dr. Sam Charney (Rutger Hauer, de Blade Runner, O Caçador de Andróides), a experiente detetive Della Wilder (Pam Grier, de Jackie Brown) acaba descobrindo uma série de misteriosos assassinatos de mulheres que, de alguma forma, estão ligados a uma grande e poderosa companhia farmacêutica. Agora, depois de ter descoberto essa terrível e mortal conspiração, Della precisa resolver rapidamente o caso, antes que ela e o doutor acabem mortos.

Nota 4. Brutal, heim?! Que nada… Filme de investigação bem legal. Cheio de reviravoltas, mas só não ganhou nota máxima porque o final é muito previsível.

sombraNa sombra do crime
Quando um conhecido dublê de Hollywood, Jimmy Pierazzi (Lillo Brancato) – amigo de infância do assassino de aluguel  Eric O’Byrne (Matthew Modine) – morre em um trabalho supervisionado por Lance Cooper (James Caan), alguém pede a morte de Cooper e contrata Eric para fazê-lo. Para conseguir sucesso em sua missão, Eric resolve aproximar-se da filha de Cooper, o caminho  mais fácil para chegar ao alvo. Mas, na tentativa de realizar o serviço, acaba apaixonando-se pela filha de seu alvo e descobre que Cooper não teve nada a ver com a morte de seu amigo, foi apenas um acidente provocado por um erro de Jimmy.

Nota 4. Achei que terminar esse filme seria a coisa mais complicada do mundo. Pelo contrário. A trama é bem legal. Nota 4. Sem muito louvor, mas não é de arrepender.

12-e-demais-poster02Doze é demais
Tom Baker e Kate Baker conseguiram uma proeza certamente admirável: ter 12 filhos. A família, apesar de demasiada grande, é feliz e muito brincalhona. Apesar das bagunças eventuais, eles vivem em paz e harmonia, numa pequena cidade chamada Illinois. Tom Baker é um técnico de um time de futebol americano e, após conseguir uma promoção invejável, tem de se mudar para a cidade grande. É claro que toda a família vai junto. Quando Tom começa a não ter tempo para seus filhos, a confusão começa. 

Nota 3. Na seleção da semana não poderia faltar o besteirol, né?! Esse é bem água com açúcar. Não é dos piores, mas também não é aquele filme, que pode ser indicado.

Agora é preparar a pipoca, o refri e bom filme!

Anúncios
h1

Só filmão!

sexta-feira, 24 julho, 2009

Mais uma semana, mais uma edição do Cine em Cena. A escala é a seguinte: de 0 a 2, não assista – não vale nem R$1,99! 3 é por sua conta, assista e tire sua conclusão. 4 e 5 eu “agarantio”: pode assistir sossegado, vale R$1,99!

iceage3poster2A era do Gelo 3:  Scrat continua tentando agarrar a noz fujona (e nesse processo, talvez acabe encontrando o verdadeiro amor); Manny e Ellie esperam o nascimento de seu bebê mamute; a preguiça Sid forma sua própria família adotiva seqüestrando alguns ovos de dinossauro; e Diego, o tigre dentes-de-sabre, se pergunta se não está ficando molenga demais devido à convivência com seus amigos. Em uma missão para resgatar o azarado Sid, a turma se aventura por um misterioso mundo subterrâneo, onde dão de cara com dinossauros, lutam contra plantas carnívoras de fúria assassina e conhecem uma destemida doninha de um olho só, caçadora de dinossauros, chamada Buck.

Nota: 5. Tive coragem de ir ao cinema para assistir esse filme. Adorei. Uma animação bem ao nível da primeira e da segunda edição de “A era do Gelo”. Para o estilo, nota 5! É diversão garantida… 

videnteO vidente:  Cris Johnson possui o dom de prever detalhadamente os acontecimentos que ocorrem à sua volta. Cansado de todos os exames que fazia quando jovem, o que chamou a atenção do governo americano, ele decide mudar de nome e vai trabalhar como mágico em Las Vegas. Mas, quando um terrorista ameaça explodir uma bomba em Los Angeles, a agente Callie Ferris faz de tudo para convencê-lo a ajudar o governo e tentar evitar uma tragédia.

 Nota: 5. Muito bom! A sinopse, que para mim é muito estranha, esconde um filme cheio de ações e com uma interessante. Em alguns momento o ritmo do filme cai, mas nada que possa tirar o brilhantismo da obra.  

loucas-por-amor-poster01Loucas por amor, viciadas por dinheiro: Bridget Cardigan é uma dona-de-casa dedicada. Quando seu marido Don é demitido e ela descobre que pode perder sua casa e a vida confortável, aceita a única vaga disponível no Banco Central americano, após anos sem trabalhar. Lá, percebe ter muito em comum com suas colegas de trabalho: Nina, uma mãe solteira com dois filhos para criar, e Jackie, uma livre e exuberante mulher, sem nada a perder. Cansadas de um sistema que subestima seus valores e sonhos, as três amigas se unem e põem em ação um roubo ao banco.

Nota: 5. Esse sim parecia ser uma b****. Que nada! Filme muito legal, com uma trama mais que bem bolada, mas com um final muito trucado. Talvez por isso não tenha sido um 5 com tanto louvor.

fim_dos_temposFim dos tempos: Uma crise ambiental cataclismática, de larga escala, força a humanidade a combater a natureza para sobreviver. Um força ou vírus estaria fazendo a população enlouquecer e cometer suícidio. Elliot Moore é um professor de ciências que tenta proteger os seus filhos da fúria da natureza.

Nota: 4. Se o filme citado acima parecia ser ruim e arrebentou, “Fim dos Tempos” deixou a desejar. No canal Telecine ele foi muito anunciado e parecia ser a oitava maravilha. Não foi. É até interessante, tem um final bem holiudiano e já deixa indícios do próximo filme “Fim dos Tempos”.

13-homens-e-um-novo-segredo-poster04Treze homens e um novo segredo: Danny Ocean e seus comparsas se unem novamente para vingar seu velho amigo Reuben Tishkoff, que foi enganado por Willie Banks, magnata dono de um grande cassino em Las Vegas. Desta vez, o plano para quebrar o inimigo consiste em fazer com que cada jogador no cassino de Banks ganhe dinheiro a cada nove minutos.

Nota: 3. Esse eu esperava muito. Não gostei. Chato e dá sono. Tem até uma história interessante, mas está longe de ser o sucesso que foi “Onze homens e um segredo”.

Então é isso, moçada… Aos que gostam de um bom filme, as dicas seguem acima! Agora é só preparar a pipoca e cair “matando”.

h1

5,4,3,2,1… Cine em cena!

sexta-feira, 17 julho, 2009

Apesar da semana não ter sido muito boa de posts para  o blog, afinal de contas, reflexo de uma semana muito, mas muito cheia de tarefas, o cine em cena não poderia ficar fora. Esta semana a seleção de filmes ficou razoável. Foi de 5 a 1.

Lembrando, a escala é a seguinte: de 0 a 2, não assista – não vale nem R$1,99! 3 é por sua conta, assista e tire sua conclusão. 4 e 5 eu “agarantio”: pode assistir sossegado, vale R$1,99! 

valenteValente: Erica Bain é radialista em Nova Iorque e está noiva de um homem que ama. Toda sua felicidade lhe é subitamente tirada quando os dois sofrem um ataque brutal. Ela fica gravemente ferida e ele morre. Sem conseguir superar a tragédia, Erica começa uma caçada noturna pelas ruas, atrás dos responsáveis. Sua batalha por justiça chama a atenção pública e mobiliza a cidade. Com a polícia de Nova Iorque investigando a fundo o caso e um detetive vigiando seus passos, ela passa a se questionar se a vingança seria o caminho certo e se estaria ela se tornando aquilo que deseja combater.

Nota 5. Belo filme. O filme em alguns momentos é lento, pode até desagradar alguns por isso. Mas é de tamanha qualidade que mesmo assim consegue prender a atenção do telespectador. Destaque para show da atriz Jodie Foster, que consegue ser “duas pessoas em uma” e ter a mesma desenvoltura. Muito bom!

lendadotesouro2A lenda do tesouro perdido – O livro dos segredos: A história envolverá o segredos sobre Abraham Lincoln (Presidente dos EUA de 1861) e John Wilkes Booth (assassino de Lincoln) e 18 páginas perdidas de seu diário. Bruckheimer revelou que as peças de um quebra-cabeça serão montadas e a combinação para dissolvê-las durante a trama será as páginas perdidas do diário.

Nota 4. É interessante, bem ao estilo Indiana Jones, cheio de “segredos”, perseguição, tiros e um “grande” amor. Normal e previsível, mas consegue prender a atenção. Nota 4, mas sem louvor.

arquivox_poster2_100granaArquivo X – Eu quero acreditar: Quando um grupo de mulheres é abduzido nas colinas rurais da Virgínia, as únicas pistas são grotescos restos humanos que começam a aparecer nas encostas nevadas ao longo de uma rodovia. Com policiais desesperados por qualquer dica, um padre em desgraça, motivado por visões, coloca a cidade numa caçada que culmina na descoberta de um bizarro experimento secreto que pode ou não estar ligado aos desaparecimentos. Seria um caso típico para os Arquivos X. Mas o FBI fechou o departamento que investigava tais casos paranormais anos atrás. Os melhores profissionais para o trabalho são os ex-agentes Fox Mulder e Dra. Dana Scully, que não têm qualquer desejo de revistar seus passados.

Nota 3. A série pode até ser espetacular, mas o filme… Nada de mais. Bem normalzinho para o oba-oba que fizeram. Isso sem contar com o final totalmente estranho e sem uma explicação óbvia a respeito de uma “sub-história” dentro da trama.

quem_colaQuem não cola não sai da escola: Enquanto a maioria dos garotos se mata de estudar, Handsome Davis (Trevor Fehrman) não esquenta a cabeça, apenas encara a escola como um sistema que tenta controlar a sua mente. Isso porque ele e seus três melhores amigos, Sammy (Elden Henson), Victor (Matthew Lawrence) e o gênio Applebee (Martin Starr), sempre usaram táticas criativas e eficiêntes para trapacear nos exames – como conseguir antecipadamente o gabarito das provas. Tudo vai bem até o último ano de escola secundária. É quando finalmente encontram uma oponente à altura pela frente, na figura da durona e esperta diretora Mrs. Stark (Mary Tyler Moore). Surge o dilema: eles devem entrar na fila pela primeira vez, ou correr o risco e tentar burlar mais uma vez as regras da escola?

Nota 2. Sabe aquele filme que você pode assistir sem prestar a atenção que conseguirá entender perfeitamente?! Então, esse é o filme. Só não foi pior porque em alguns momentos relembrei o meu tempo de escola. Só por isso e nada mais.

universidadeA Universidade do prazer: Victoria English é a presidente da elitista irmandade feminina chamada Gamma Gamma, da Universidade de South Beach. Inteligente e gananciosa, Victoria está determinada a tirar vantagem de sua posição. Mas com a chegada de uma nova turma, ela passará a lidar com calouras que desejam, a todo custo, entrar para o seleto grupo formado por garotas bonitas, ricas e elegantes.

 

Nota 1. Creeedo! Além do título – que parece de filme pornográfico, o restante é do mesmo nível: fraquíssimo. O que mais posso falar?! Mais nada, o filme é como sua protagonista, Paris Hilton – sem o mínimo conteúdo e completamente sem sal.

h1

Cine em cena brutal!

sexta-feira, 10 julho, 2009

Aos que gostam do Cine em Cena, segue o post dos cinco filmes da semana. Na verdade criei coragem para ver alguns filmes mais “brutais”. Só para lembrar, a escala é a seguinte: de 0 a 2, não assista – não vale nem R$1,99! 3 é por sua conta, assista e tire sua conclusão. 4 e 5 eu “agarantio”: pode assistir sossegado, vale R$1,99! 

 Confira:

turistasTuristas:  ‘Turistas’ é um suspense tenso e inquietante que gira em torno de um grupo de jovens viajantes aventureiros. Depois que um terrível acidente os deixa perdidos em uma remota cidade praiana, eles descobrem, aos poucos, que as praias de areia branca e a bela floresta que a cerca escondem um segredo obscuro e cruel.

 

Nota: não merece, mas aconselho que veja para ter sua opinião sobre o filme. “Turistas” é polêmico. Mostra um Brasil verdadeiro, mas “exagerado aos extremos” – sim pleonasmo! Recordo que na época do lançamento do filme muitos brasileiros se manifestaram a respeito, fizeram muito barulho e ameaçaram boicotar o filme. Engraçado. Se o cenário não fosse real, e sim fictício, até acharia o filme interessante. Mas como mostra o Brasil e faz um belo marketing negativo do país, a reação foi contrária. O filme mostra jovens estrangeiros que vão para o Brasil a procura de sexo, drogas, bebidas e mulheres. Novidade?! Não, minha gente… Isso é real, acontece. Só que, a partir daí, o que acontece na ficção é uma outra história. Exageraram e pegaram muito pesado. Portanto, não merece nota.

jogos-mortais-capaJogos Mortais: Dois homens acordam em um banheiro sujo e deplorável, acorrentados, um em cada canto do local. Em meio à eles, há um corpo de um homem que estourou sua cabeça com uma magnum 44. Eles são vítimas de um serial killer que coloca duas pessoas em situações extremas, para que uma saia viva apenas se matar a outra. Em um jogo de gato e rato, ambos vão descobrindo as pistas para tentar se salvar do jogo desse insano assassino, enquanto descobrem o porquê de terem sido escolhidos pelo tal.

Nota 5. Apesar de não ser muito fã do estilo, achei Jogos Mortais bem interessante, com uma história bem bolada e amarrada. Nota 10 para a atuação de Michael Emerson, o Ben de Lost, que interpreta um enfermeiro na trama. Esse ator é muito talentoso e novamente deu um show. 

doom-a-porta-do-infernoDoom – A porta do inferno:
Baseado no game de tiro em primeira pessoa mais famoso do mundo, a história é a seguinte: em uma base militar em Marte, uma experiência científica dá errado e acaba abrindo um portal para o Inferno, onde habitam criaturas assustadoras e mortais.

 

Nota 4. Como também sou fã de games, achei o jogo interessante, mas está longe de se comparar ao ótimo jogo Doom. Tudo bem, comparar filme com game, ou até livro com filme é algo muito, digamos, precipitado. Mas como sou fã de games, já deve imaginar que isso nem sempre é muito claro na minha cabeça. Nas últimas partes do filme deu até aquele “gostinho de game”, mas não tem uma história tão convincente. Talvez por isso não tenha agradado tanto assim. Nota 4 ficou de ótimo tamanho – 4 sem louvor.

10000-ac-poster0310000AC – Ambientado em 10 mil anos antes de Cristo, o filme narra a saga do jovem D’Leh, um caçador de mamutes e sua aventura para liderar um exército na travessia de um vasto deserto, lutando contra tigres dentes-de-sabre e outros predadores pré-históricos. Em sua arriscada missão, o guerreiro e o exército que lidera acaba de encontro a uma civilização perdida, e ele precisa lutar para salvar Evolet, a mulher que ama, das mãos de um temível e maldoso chefe de tribo.

Nota 4. Legal, com bons efeitos sonoros, uma boa história, mas nada tão especial como disseram por aí. De qualquer forma vale a pena ver.

ladrao-de-diamantes-poster06Ladrões de Diamantes: Max Burdett (Pierce Brosnan) é um ex-famoso ladrão de jóias. Aposentado, viaja com sua namorada Lola (Salma Hayek) para uma ilha paradisíaca, para, enfim, gastar o dinheiro que ganhou com seus golpes anteriores. Só que, nessa ilha, há um diamante caríssimo, o único que Max ainda não roubou. Desconfiando que de ele pode estar para dar o seu último golpe, o agente Stanley P. Lloyd (Woody Harrelson) o segue, afim de impedir o provável novo plano.

Nota 2 e nada mais. Em alguns momentos é até legalzinho, mas é mais trucado do que Triplo X. Não aconselho.  É fraquinho!

Bom, é isso… Agora é prepar a pipoca e correr para a frente da TV!

h1

Ótima seleção no cine em cena

quinta-feira, 2 julho, 2009

menina

Demorou, mas chegou… Esta semana a seleção de filmes está bem legal. Um filme nota 5, quatro nota 4, e um nota 3. Só para lembrar, a escala é a seguinte: de 0 a 2, não assista – não vale nem R$1,99! 3 é por sua conta, assista e tire sua conclusão. 4 e 5 eu “agarantio”: pode assistir sossegado, vale R$1,99! 

Menina Má.com: Uma adolescente inteligente e charmosa, Hayley, provavelmente não deveria ir a um café local se encontrar com Jeff, fotógrafo fashion de trinta e poucos anos que ela conheceu pela internet. Mas antes que ela perceba, já está preparando drinks na casa dele e prestes a fazer uma sessão de fotografia. É uma noite de sorte para Jeff. Mas Hayley não é tão inocente quanto parece, e a caça vira caçador quando ela começa a impor uma investigação penosa sobre Jeff numa tentativa de revelar um possível passado escandaloso.

Nota 5. Abordagem bem interessante, atual e muito bem estruturada. Tem algumas falhas, mas que fazem parte de um filme de ficção. De qualquer maneira, um filmaço.

piPecados Íntimos: Estamos em uma cidade suburbana onde um grupo de jovens casais passa seus dias absolutamente devotado ao sucesso de seus filhos – criados desde crianças para se transformarem em verdadeiros formandos de Harvard. Um mundo brilhante de filhos e pais perfeitos… pelo menos durante o dia. À noite, entre quatro paredes, tudo se transforma. E os papais e mamães perfeitos tentam escapar de suas rotinas nada excitantes recorrendo à pornografia na internet ou então a casos extraconjugais. E enquanto estes casais tentam recuperar em segredo a intensidade de seus dias de adolescência, suas vidas começam a se cruzar de maneira surpreendente e muito perigosa.

Nota 4. Diferente,  com um final surpreendente e muito interessante. Merece que seja visto.

Confissões de uma noiva: Samantha vê seus sonhos transformados em realidade quando seu namorado Ben a pede em casamento. Mas, as coisas se complicam quando um compromisso profissional a leva a trabalhar com o ex-namorado. Ela vai ter de decidir entre os dois.

Nota 4. Comédia romântica de altíssimo nível. Para o estilo, nota 4 sossegado e com louvor.  

SemVestigios-1Sem vestígios: Um predador perito em internet tem exibido seus assassinatos cruéis num website e o destino de suas vítimas fica nas mãos do público: quanto mais visitas o site recebe, mais rápido as vítimas morrem. A agente especial Jennifer Marsh e Griffin Dowd fazem parte de uma divisão dedicada a crimes de internet do FBI e se envolvem neste caso que torna-se pessoal e sem vestígios.

Nota 4. Filme bacana, bem pensado, mas um tanto quanto previsível. Como se trata de um filme policial, talvez se fosse tivéssemos mais surpresas seria nota 5. Mas tudo bem, vale a pena ver!

casamento_gregoCasamento grego: Toula Portokalos (Nia Vardalos) é uma mulher desengonçada que trabalha com sua família em um restaurante. O sonho de seu pai, um tradicionalista grego, é ver Toula casada com um conterrâneo, mas ela é correspondida pelo inglês Ian Miller (John Corbett). Eles mantêm um namoro às escondidas, mas logo são descobertos e, a partir daí, Toula e Ian lutam para que haja a aceitação de sua família. Indicado ao Oscar de Melhor Roteiro Original.

Nota 3. Nada de tão engraçado como dizem por aí. Oscila entre momentos engraçados, e outros que dá até sono.

h1

De cinco em cinco em cena

quarta-feira, 24 junho, 2009

Nesta semana a seleção de filmes está muito boa.  Dois filmes nota 5, um nota 4, um 3 e um lamentável 2.  Só para lembrar, a escala é a seguinte: de 0 a 2, não assista – não vale nem R$1,99! 3 é por sua conta, assista e tire sua conclusão. 4 e 5 eu “agarantio”: pode assistir sossegado, vale R$1,99!  Detalhes técnicos do Cine Player. Vamos aos filmes:

Filme nota 5! Muito bom...
Quatro irmãos
 
Em Detroit, após o assassinato de sua mãe, quatro irmãos de criação passam a investigar os culpados em busca de vingança, passando sobre a lei para conseguir matar os responsáveis.
Eles acabam descobrindo uma conexão com o chefe de uma perigosa gangue local.  

Nota 5. Filmaço! Muito bom, cheio de ação e muitas cenas engraçadas. Merece nota cinco. Recomendo para quem gosta de filmes do gênero.  

 

 

As crônicas de Spiderwick:

Lembrou Jumangi

Lembrou Jumanji

Após a separação dos pais, dois garotos gêmeos, Jared e Simon e sua irmã Mallory se mudam com a mãe para uma casa em ruínas. Por meio de um livro mágico, eles se vêem transportados para um mundo de fantásticas criaturas.

Nota 5. Fantasia e muita aventura. Um verdadeiro show no filme que se assemelha bastante de O Labirinto do Fauno e lembra um pouco o ótimo Jumanji, que marcou a minha juventude (ou infância?). Filmaço que merece nota máxima e com louvor

o_casamentoO casamento da minha namorada: Ele tinha a fórmula mas nem imaginava.Ethan acha que existe uma breve janela de tempo pra um homem conhecer a mulher certa: quando ela é muito jovem, é muito idealista; quando é muito velha, é muito cínica. Com 25 anos, a maior conquista de Ethan é poder ir a qualquer festa ou boate de Los Angeles. Não é grande coisa, mas ele não podia ser mais feliz; sustentando pelos pais, malha todos os dias e leva pra casa uma garota diferente a cada noite. Até descobrir, meio por acaso, que um amigo de escola vai casar. Ethan resolve ir para casa participar da cerimônia e acaba descobrindo que a noiva é Stephanie, sua namorada de adolescência. Tentando reviver os dias de glória de high school, Ethan decide reconquistar Stephanie antes que seja tarde. A grande questão é: ele está realmente apaixonado por ela ou só está preso ao passado?

Nota 2. Mais um daquelas comédias sem muita graça. Não é dos piores, mas está longe de receber uma indicação ao Oscar.

Separados pelo casamento:

separadoscas03

Primeiro encontro do casal do filme.

Brooke e Gary terminam o relacionamento que mantinham, mas nenhum dos dois quer sair do apartamento onde vivem. Decidem manter uma convivência pacífica sob o mesmo teto, mas acabam descobrindo que o melhor a fazer é tornar a vida do outro insuportável.

Nota 4. Muito hilário e cheio de cenas interessantes. Só não levou nota máxima porque não encantou tanto assim.

loja_magicaA loja mágica de brinquedos: O que você faria dentro da loja de brinquedos mais fantástica do mundo? Sim, ela existe. É a loja mágica de brinquedos do Sr. Magorium, um incrível senhor de 243 anos de idade. Tudo lá parece ter vida e a única condição que se pede é muito simples: você precisa acreditar para ver. Quando o Sr. Magorium decide se aposentar e deixar a loja para a encantadora Molly, coisas estranhas passam a acontecer. Prepare-se para uma história incrível, onde todos são convidados para um mundo de magia e fantasia.

Nota 3. Um projeto semelhante a Fantástica Fábrica de Chocolate, mas não obteve tanto sucesso assim. Não agradou tanto e não tinha aquela mágica história. Por isso apenas a nota 3. Não é dos piores, mas está longe de passar pelos melhores filmes.  

Bom, é isso! Se for ver algum, bom filme!

 

 

h1

Filme cinco estrelas

quarta-feira, 17 junho, 2009

divaEsse filme merece destaque especial! Ontem fui ao cinema e assisti o filme nacional “Divã”, com Lília Cabral, como atriz principal. Sim, só ontem chegou esse filme ao cinema de Três Corações! Mesmo assim, digo: quem não viu, veja! Vale R$1,99! Aos preconceituosos em relação ao cinema nacional, veja e tire suas conclusões. É um filmaço e, como costumo fazer no “Cine em Cena”, vou logo dizendo a nota: 5, e com louvor.

O filme narra a história de Mercedes (Lilia Cabral), uma mulher quarentona, mãe de família, mas que vive às voltas com as alegrias e desafios da sociedade contemporânea. Casada e mãe de dois filhos, Mercedes decide, mesmo sem saber bem o porquê, procurar um psicanalista. E, assim, o que antes era apenas uma curiosidade, se transforma em uma experiência devastadora, que provoca uma série de mudanças em sua vida cotidiana.

No filme vale ressaltar o show dado por Lilia Cabral, além dos ótimos coadjuvantes José Mayer, Reynaldo Gianecchini e Alexandra Richter.