Archive for julho \30\UTC 2009

h1

Homenagem é só para quem já foi (eu não entendo)

quinta-feira, 30 julho, 2009

chicoTemos um gênio “dentro de casa” e não damos muito valor. Esse gênio se chama Chico Anysio, e veio lá do Ceará para conquistar o Brasil, se transformar em um dos ícones do humor nacional, e agora ficar desperdiçado na geladeira global.

O mestre

O mestre

Temos também uma lenda no futebol mundial que se chama Mário Jorge Lobo Zagallo. O “velho” Lobo ganhou tudo que foi possível dentro e fora das quatro linhas e hoje curti sua vida ao lado da família… e se quiser voltar a ser técnico, terá espaço.

Assim como Chico Anysio e Zagallo existem inúmeros outros personagens brasileiros que se destacaram e que podem nos deixar sem ter uma homenagem digna. Infelizmente uma hora isso irá acontecer.

Lamentável é saber que o nosso país só vai dar o devido valor para essas pessoas quando perdê-las.  E aí, após eles nos deixarem, teremos Globo Repórter Especial, matéria no Fantástico, documentário, prêmio sabe lá do quê com o nome da pessoa (…), tudo em homenagem ao saudoso fulano.

Isso é lindo, mas “cá entre nós”: que tal homenagear essas pessoas em vida?! Não seria bacana uma homenagem a esses personagens que marcaram a história do nosso país enquanto elas possam ver, se emocionar, curtir o que conquistaram? Não. No nosso país isso não funciona. Isso não dá audiência. Faz parte, temos que entender… Um cidadão morto vale mais que um vivo, ou seja, não valemos nem R$1,99!

Assim como qualquer pessoa que “bate as botas” vira Deus, quem ainda não bateu não merece homenagem nem nada do tipo.  Não dá para entender…

Anúncios
h1

Em nome do respeito ao cliente

quarta-feira, 29 julho, 2009
A mídia informa que a OI e a Claro foram multadas em R$600 milhões de reais por desrespeitarem o cliente, com seus abusivos sistemas de atendimento via call-center. Semana passada minha paciência foi colocada à prova ao extremo quando fui buscar uma informação sobre minhas aplicações financeiras no serviço 0800 da Caixa Econômica Federal. É um verdadeiro desacato!
O número de opções de ramais disponibilizados parece infindável, sempre acompanhado por uma musiquinha irritante de fundo e pela voz suave de uma infeliz atendente. No final, depois de mais de meia hora, percorrendo a “via-sacra”, a ligação caiu e fiquei sem obter a informação. Liguei para um outro 0800 da Ouvidoria da Caixa e a história foi a mesma! Depois de muito custo, uma vozinha suave me atendeu, ouviu meu desabafo, traduziu-o digitando um texto com um eufemismo exacerbado muito distante do tamanho da minha raiva e indignação e me pediu para anotar o número do protocolo! Perdoem-me o desabafo, mas é de “f…”!
Bom seria que o Governo Federal saísse da sua inércia e tomasse realmente uma providência séria multando severamente não só as empresas de telefonia mas todos estes bandos de safados que vivem enrolando seus clientes e não valem Nem R$1,99!
h1

Só filmão!

sexta-feira, 24 julho, 2009

Mais uma semana, mais uma edição do Cine em Cena. A escala é a seguinte: de 0 a 2, não assista – não vale nem R$1,99! 3 é por sua conta, assista e tire sua conclusão. 4 e 5 eu “agarantio”: pode assistir sossegado, vale R$1,99!

iceage3poster2A era do Gelo 3:  Scrat continua tentando agarrar a noz fujona (e nesse processo, talvez acabe encontrando o verdadeiro amor); Manny e Ellie esperam o nascimento de seu bebê mamute; a preguiça Sid forma sua própria família adotiva seqüestrando alguns ovos de dinossauro; e Diego, o tigre dentes-de-sabre, se pergunta se não está ficando molenga demais devido à convivência com seus amigos. Em uma missão para resgatar o azarado Sid, a turma se aventura por um misterioso mundo subterrâneo, onde dão de cara com dinossauros, lutam contra plantas carnívoras de fúria assassina e conhecem uma destemida doninha de um olho só, caçadora de dinossauros, chamada Buck.

Nota: 5. Tive coragem de ir ao cinema para assistir esse filme. Adorei. Uma animação bem ao nível da primeira e da segunda edição de “A era do Gelo”. Para o estilo, nota 5! É diversão garantida… 

videnteO vidente:  Cris Johnson possui o dom de prever detalhadamente os acontecimentos que ocorrem à sua volta. Cansado de todos os exames que fazia quando jovem, o que chamou a atenção do governo americano, ele decide mudar de nome e vai trabalhar como mágico em Las Vegas. Mas, quando um terrorista ameaça explodir uma bomba em Los Angeles, a agente Callie Ferris faz de tudo para convencê-lo a ajudar o governo e tentar evitar uma tragédia.

 Nota: 5. Muito bom! A sinopse, que para mim é muito estranha, esconde um filme cheio de ações e com uma interessante. Em alguns momento o ritmo do filme cai, mas nada que possa tirar o brilhantismo da obra.  

loucas-por-amor-poster01Loucas por amor, viciadas por dinheiro: Bridget Cardigan é uma dona-de-casa dedicada. Quando seu marido Don é demitido e ela descobre que pode perder sua casa e a vida confortável, aceita a única vaga disponível no Banco Central americano, após anos sem trabalhar. Lá, percebe ter muito em comum com suas colegas de trabalho: Nina, uma mãe solteira com dois filhos para criar, e Jackie, uma livre e exuberante mulher, sem nada a perder. Cansadas de um sistema que subestima seus valores e sonhos, as três amigas se unem e põem em ação um roubo ao banco.

Nota: 5. Esse sim parecia ser uma b****. Que nada! Filme muito legal, com uma trama mais que bem bolada, mas com um final muito trucado. Talvez por isso não tenha sido um 5 com tanto louvor.

fim_dos_temposFim dos tempos: Uma crise ambiental cataclismática, de larga escala, força a humanidade a combater a natureza para sobreviver. Um força ou vírus estaria fazendo a população enlouquecer e cometer suícidio. Elliot Moore é um professor de ciências que tenta proteger os seus filhos da fúria da natureza.

Nota: 4. Se o filme citado acima parecia ser ruim e arrebentou, “Fim dos Tempos” deixou a desejar. No canal Telecine ele foi muito anunciado e parecia ser a oitava maravilha. Não foi. É até interessante, tem um final bem holiudiano e já deixa indícios do próximo filme “Fim dos Tempos”.

13-homens-e-um-novo-segredo-poster04Treze homens e um novo segredo: Danny Ocean e seus comparsas se unem novamente para vingar seu velho amigo Reuben Tishkoff, que foi enganado por Willie Banks, magnata dono de um grande cassino em Las Vegas. Desta vez, o plano para quebrar o inimigo consiste em fazer com que cada jogador no cassino de Banks ganhe dinheiro a cada nove minutos.

Nota: 3. Esse eu esperava muito. Não gostei. Chato e dá sono. Tem até uma história interessante, mas está longe de ser o sucesso que foi “Onze homens e um segredo”.

Então é isso, moçada… Aos que gostam de um bom filme, as dicas seguem acima! Agora é só preparar a pipoca e cair “matando”.

h1

Tas, a mania!

quarta-feira, 22 julho, 2009

tasCareca, cabeçudo, muito estranho e que anda se reproduzindo mais que greemilliens. Não, gente boa, não estou falando de nada sexual e nem do Ronaldo Fenômeno nos tempos que jogava na Europa.

Bom, na verdade estou falando de outro fenômeno, só que esse de competência e de audiência. Trata-se de Marcelo Tas, o jornalista âncora do programa Custe o Que Custar – CQC, da Bandeirantes.

Enquanto muitos ainda se iludem com apresentadores sem o mínimo de conteúdo, Tas vem conquistando cada vez mais espaço na TV e principalmente na internet graças aos seus comentários irreverentes, mas que trata de diversos assuntos de maneira muito séria. Com muito bom humor, e acima de tudo competência, Tas conquistou uma legião de fãs, tem um dos blogs mais premiados do país, e seu twitter está repleto de seguidores.

Para os que acreditam que humor e “coisa séria” não combinam, está aí a prova viva. Pela competência e pelo ótimo humor, Marcelo Tas vale mais que R$1,99!

h1

Em nome da grana e do sucesso, abraça-se até o capeta

segunda-feira, 20 julho, 2009

unePor Júlio Vasconcelos – do blog Geogente

Já entendi por que  a Presidente da UNE, Lúcia Stumpf e a sua trupe não se manifestaram sobre os elogios tecidos pelo Presidente Lulla a respeito do Collor, seguido de abraços sorridentes entre ambos em um palanque nas Alagoas. O negócio é que o Presidente Lulla tem sido muito generoso com o caixa da UNE em 2009. Foram R$2,49 milhões embolsados pela entidade! É muita grana!

A antes tão combativa entidade, que liderou os cara-pintadas para a derrubada do Collor calou-se perante os cifrões e não é de hoje que está muda. Calou-se diante da roubalheira do mensalão, calou-se  diante dos escândalos envolvendo o Sarney e pasmem, chegou a defender o safado do Calheiros no episódio da troca de benesses com uma empreiteira para sustentar a ex-namorada, engravidada por “descuido”. 

Em nome da grana e do sucesso, abraça-se até o capeta; pelo que parece este é o ditado que a entidade e o Presidente vem colocando em prática. Do jeito que está, apesar de embolsar milhões, a UNE não está valendo nem R$1,99!

h1

5,4,3,2,1… Cine em cena!

sexta-feira, 17 julho, 2009

Apesar da semana não ter sido muito boa de posts para  o blog, afinal de contas, reflexo de uma semana muito, mas muito cheia de tarefas, o cine em cena não poderia ficar fora. Esta semana a seleção de filmes ficou razoável. Foi de 5 a 1.

Lembrando, a escala é a seguinte: de 0 a 2, não assista – não vale nem R$1,99! 3 é por sua conta, assista e tire sua conclusão. 4 e 5 eu “agarantio”: pode assistir sossegado, vale R$1,99! 

valenteValente: Erica Bain é radialista em Nova Iorque e está noiva de um homem que ama. Toda sua felicidade lhe é subitamente tirada quando os dois sofrem um ataque brutal. Ela fica gravemente ferida e ele morre. Sem conseguir superar a tragédia, Erica começa uma caçada noturna pelas ruas, atrás dos responsáveis. Sua batalha por justiça chama a atenção pública e mobiliza a cidade. Com a polícia de Nova Iorque investigando a fundo o caso e um detetive vigiando seus passos, ela passa a se questionar se a vingança seria o caminho certo e se estaria ela se tornando aquilo que deseja combater.

Nota 5. Belo filme. O filme em alguns momentos é lento, pode até desagradar alguns por isso. Mas é de tamanha qualidade que mesmo assim consegue prender a atenção do telespectador. Destaque para show da atriz Jodie Foster, que consegue ser “duas pessoas em uma” e ter a mesma desenvoltura. Muito bom!

lendadotesouro2A lenda do tesouro perdido – O livro dos segredos: A história envolverá o segredos sobre Abraham Lincoln (Presidente dos EUA de 1861) e John Wilkes Booth (assassino de Lincoln) e 18 páginas perdidas de seu diário. Bruckheimer revelou que as peças de um quebra-cabeça serão montadas e a combinação para dissolvê-las durante a trama será as páginas perdidas do diário.

Nota 4. É interessante, bem ao estilo Indiana Jones, cheio de “segredos”, perseguição, tiros e um “grande” amor. Normal e previsível, mas consegue prender a atenção. Nota 4, mas sem louvor.

arquivox_poster2_100granaArquivo X – Eu quero acreditar: Quando um grupo de mulheres é abduzido nas colinas rurais da Virgínia, as únicas pistas são grotescos restos humanos que começam a aparecer nas encostas nevadas ao longo de uma rodovia. Com policiais desesperados por qualquer dica, um padre em desgraça, motivado por visões, coloca a cidade numa caçada que culmina na descoberta de um bizarro experimento secreto que pode ou não estar ligado aos desaparecimentos. Seria um caso típico para os Arquivos X. Mas o FBI fechou o departamento que investigava tais casos paranormais anos atrás. Os melhores profissionais para o trabalho são os ex-agentes Fox Mulder e Dra. Dana Scully, que não têm qualquer desejo de revistar seus passados.

Nota 3. A série pode até ser espetacular, mas o filme… Nada de mais. Bem normalzinho para o oba-oba que fizeram. Isso sem contar com o final totalmente estranho e sem uma explicação óbvia a respeito de uma “sub-história” dentro da trama.

quem_colaQuem não cola não sai da escola: Enquanto a maioria dos garotos se mata de estudar, Handsome Davis (Trevor Fehrman) não esquenta a cabeça, apenas encara a escola como um sistema que tenta controlar a sua mente. Isso porque ele e seus três melhores amigos, Sammy (Elden Henson), Victor (Matthew Lawrence) e o gênio Applebee (Martin Starr), sempre usaram táticas criativas e eficiêntes para trapacear nos exames – como conseguir antecipadamente o gabarito das provas. Tudo vai bem até o último ano de escola secundária. É quando finalmente encontram uma oponente à altura pela frente, na figura da durona e esperta diretora Mrs. Stark (Mary Tyler Moore). Surge o dilema: eles devem entrar na fila pela primeira vez, ou correr o risco e tentar burlar mais uma vez as regras da escola?

Nota 2. Sabe aquele filme que você pode assistir sem prestar a atenção que conseguirá entender perfeitamente?! Então, esse é o filme. Só não foi pior porque em alguns momentos relembrei o meu tempo de escola. Só por isso e nada mais.

universidadeA Universidade do prazer: Victoria English é a presidente da elitista irmandade feminina chamada Gamma Gamma, da Universidade de South Beach. Inteligente e gananciosa, Victoria está determinada a tirar vantagem de sua posição. Mas com a chegada de uma nova turma, ela passará a lidar com calouras que desejam, a todo custo, entrar para o seleto grupo formado por garotas bonitas, ricas e elegantes.

 

Nota 1. Creeedo! Além do título – que parece de filme pornográfico, o restante é do mesmo nível: fraquíssimo. O que mais posso falar?! Mais nada, o filme é como sua protagonista, Paris Hilton – sem o mínimo conteúdo e completamente sem sal.

h1

Ética no ministério

segunda-feira, 13 julho, 2009
E o povo ó...

E o povo ó...

Por Júlio César Vasconcelos – Do blog Geogente 

Recentemente a mídia  divulgou em altos brados a polêmica gerada pela informação falsa constante no currículo da Ministra Dilma Roussef estampada na plataforma Lattes do CNPQ. 
As informações do currículo afirmavam que a Ministra era graduada em Ciências Sociais e na verdade ela é graduada em Economia, afirmava também que ela era mestre e doutora e na verdade não concluiu nenhum dos dois cursos. O mais interessante é que a Ministra afirma que as informações realmente são falsas mas não foi ela a responsável pelo preenchimento no site. Vale ressaltar que o acesso à inserção e alteração de informações no site é protegido por senha secreta e pesssoal, portanto entende-se que somente ela poderia ter inserido as informações!…

Bom, fica aqui a dúvida: diante de tanta falta de ética e roubalheira no meio político, até que ponto dá para acreditar na fala da Ministra? Afinal de contas, os fatos e dados comprovam que neste meio prevalece a Ética Amoral, onde tudo é relativo e possível, pois em se tratando de política, tudo vale! Mentir, dizer que não sabia e fingir-se de sonzo, utilizar de dinheiro público para interesses particulares, dar emprego para o clã familiar com salários astronômicos e vai por aí afora…Vale lembrar o e-mail que dizem ser do Maluf: maluf@masfaz.com.br… 

E por falar em valer, comprovados os fatos, se formos analisar pelo foco da ética, a candidatura da ilustríssima Ministra à Presidência da República não vale nem R$1,99!…