h1

Juizado-tartaruga

terça-feira, 30 junho, 2009
Por Júlio César Vasconcelos – http://geogente.wordpress.com/
tartaComo se não bastasse a onda de roubalheira que infesta o nosso País, a impunidade também anda a passos largos nos patamares da Justiça. É lamentável a inepcia e a morosidade que toma conta dos tribunais.
 
No dia 11 de julho de 2007, enquanto me dirigia para uma entrevista de emprego, trafegando com meu veículo por uma via preferencial, tive o carro fortemente abalroado por um maluco dirigindo um micro-ônibus que invadiu um cruzamento em “T”.
 
Infelizmente, como era de se esperar, o maluco, com medo de perder o emprego, não quiz assumir a “merda” que fez. Ironicamente, afirmava que o culpado era eu! Depois do tradicional bate-boca, fomos parar na Delegacia Policial, para lavrar o Boletim de Ocorrência.
 
Para complicar, depois de muito esperar, tive que, com muito jeito, orientar o milico de plantão, visto que redação não era o seu forte. Conclusão, além de perder a entrevista de emprego, quase perco a formatura de graduação da minha filha que se formava em Psicologia, justamente naquele dia!
 
Como precisava do véiculo, apesar de desempregado, fiz vários orçamentos, escolhi o mais “em conta”, enfiei a mão no bolso e mandei arrumar. Inconformado com a situação, resolvi dar entrada no Juizado de Pequenas Causas, buscando o ressarcimento. Idealista que sou, pensei que, diante de fato tão obvio, a justiça rapidamente seria feita! Ledo engano!
Pois bem, depois de quase dois anos, após ter que arrumar um advogado a preço de ouro e um  monte de papelada, fui convocado para a sexta audiência na semana passada e ainda sem qualquer resultado. Uma nova entrevista foi marcada para novembro! As testemunhas dos acusados não aparecem, os rábulas de defesa insistem na presença delas e a Meretíssima Juíza não tem competência e coragem bastante para tomar uma decisão, empurrando o “imbroglio” com a barriga até Deus sabe quando!,
 
 Quanto tempo desperdiçado, quanto dinheiro perdido por uma causa tão elementar! Coincidentemente O Bom dia Brasil! de hoje noticiou que um ex-banqueiro americano acusado de ter montado um dos maiores esquemas de fraude na história dos Estados Unidos, Bernad Madoff, de 71 anos foi condenado a 150 anos de prisão e prisão fechada, sem direito a liminar!
É realmente para pensar! Se com pequenas causas (elementares) não conseguimos decolar, quanto mais com as grandes!  Afinal de contas, quanto vale a Justiça no nosso País! … Infelizmente, como diria um jornalista grande amigo meu, do jeito que está, não chega nem às raias do R$1,99!
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: